Por que identificar talentos é uma arte? - Adicii
15616
post-template-default,single,single-post,postid-15616,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,footer_responsive_adv,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive
 

Por que identificar talentos é uma arte?

recrutamento e seleção caxias do sul

Por que identificar talentos é uma arte?

Lembro do tempo que colocar o currículo na internet era algo proibitivo.

Expor as informações pessoais em uma rede que não inspirava muita confiança.

As empresas tinham arquivos e mais arquivos repletos de currículos.

Como já não bastasse a necessidade de se fechar as vagas com toda aquela papelada, imagine só identificar um talento!!!

Nessa época os headhunters eram imprescindíveis para identificar profissionais que estivessem se destacando nas suas áreas de atuação das grandes e mais desejadas organizações globais.

Os tempos mudaram e o avanço tecnológico permitiu que os profissionais se conectem uns com os outros com diversos objetivos, entre eles discutir temas pertinentes às suas áreas de atuação, buscar oportunidades nas empresas que entendem ter aderência aos seus valores, seguir líderes e empresas que admiram, publicar suas impressões sobre a remuneração e o clima das empresas que atuaram.

Buscar profissionais hoje não é uma tarefa tão árdua como fora outrora. Temos à disposição diversas ferramentas de busca e construção de networking.

Por que, então, a identificação de talentos continua sendo um problema para todas as organizações?

recrutamento e seleção caxias do sul

É importante conceituar o que é talento. Talento, segundo Dave Ulrich, é o resultado de COMPETÊNCIA + COMPROMETIMENTO + MOTIVAÇÃO.

Mas voltando a pergunta sobre a dificuldade de identificar talentos, tenho algumas evidências que foram coletadas ao longo da minha carreira.

Vou dividir algumas que considero são mais “escandalosas”, no meu ponto de vista:

  • As empresas contratam profissionais muito juniores para cuidar do processo de Recrutamento & Seleção. Normalmente esses profissionais estão tendo seu primeiro contato com Recursos Humanos, sempre com a promessa que em breve migrarão para uma área de desenvolvimento.
  • Os gestores não dedicam tempo para aprofundar as necessidades de contratação, fazendo com que os profissionais de Recrutamento & Seleção saiam no “escuro” tentando encontrar candidatos que agradem a expectativa de contratar um Super Homem que resolva todos os problemas da área.
  • A dissonância de linguagem que a área técnica imprime versus o selecionador. Um fala de negócio e outro de comportamento. Ao invés de buscarem uma complementariedade, ambos tentam fazer o papel do outro, toda vez que isso acontece o resultado é desastroso.

A arte de identificar talentos passa por duas questões fundamentais. 

A primeira é VIVER o negócio, ACREDITAR na empresa, SENTIR e PENSAR como um acionista, ter ADERÊNCIA à cultura e valores da companhia.

A segunda é ter um olhar clínico para o mercado, identificar nos potenciais candidatos suas motivações, competências e compromissos com o que ele faz.

Garanto que talento não dá em árvore, muito menos em um forno como um pão francês que sai à cada 30 minutos por fornada.

Talentos são poucos, as empresas que possuem uma boa gestão deles têm em média 5 a 8%.

Hoje busco pessoas apaixonadas pelo que fazem, que seu propósito de vida está intrinsecamente conectado com sua atividade profissional. Você é assim??

E a sua empresa tem um bom processo de recrutamento e seleção? Consegue identificar os melhores talentos do mercado?

Se precisar de ajuda para esse tarefa, conte com a ADICII, essa é nossa especialidade.

CLIQUE AQUI  e confira os detalhes.

Um abraço

Adriano Abreu

Comente com o facebook


Cadastre-se para receber nossos melhores conteúdos!